Atletismo I Atletas do distrito entre os melhores do ranking nacional de sub-18

No próximo sábado, dia 1 de agosto, disputam se os campeonatos nacionais de sub-18 (juvenis masculinos e femininos, em diversas pistas do país, devido à necessidade de reduzir o número de participantes em cada uma. A situação de pandemia que atravessamos exige cuidados redobrados e diminuição das deslocações. São 5 os clubes filiados na Associação Distrital de Atletismo de Leiria (ADAL) com atletas nos dez melhores nacionais: Juventude Vidigalense, Atlético Clube da Batalha, Academia de Atletismo AcroPombal, Clube Desportivo do Bombarral e Clube Atletismo de Marinha Grande.
Vamos agora destacar os melhores atletas dos clubes da ADAL, considerando os dez melhores nacionais, dos rankings de sub-18 masculinos, com base na estatística de Federação Portuguesa de Atletismo. São 15 os leirirenses que têm a honra de estar no top 10 nacional, com um total de 23 referências.


Juvenis masculinos
Corridas de velocidade (100, 200 e 300 metros) 5 referências
Nos 100 metros encontramos dois atletas do Juventude Vidigalense, Eduardo Oliveira e Francisco Silva, no 7º e 8º lugares nacionais, com 11s45cs e 11.46 segundos, respetivamente. Aos 200 metros os atletas referidos anteriormente situam se igualmente nos dez melhores nacionais. Francisco é o 6º melhor com 23s24cs e Eduardo é 9º em 23.55 segundos. Já nos 300 metros apenas o Francisco se apresenta e com o 4º melhor tempo, em 36.25 segundos.
As estafetas foram retiradas dos programas de todos os campeonatos nacionais, devido ao maior risco de contágio.
Provas de meio fundo (800, 1.500 e 2.000 metros obstáculos) 1 referência
No meio fundo a única referência aos atletas leirienses, nos dez melhores nacionais, pertence a Duarte Rodrigues, do Atlético Clube da Batalha, na 4ª posição com 6m42s48cs.
Corridas de velocidade com barreiras (110 e 300 metros) 1 referência
Martim Costa, representante da Academia de Atletismo AcroPombal é o 10º melhor nacional na prova de 300m barreiras.
Marcha (3.000 metros) 3 referências
Em anos anteriores a prova de marcha dos campeonatos nacionais de sub-18, masculinos foram os 5.000 metros (em pista coberta e ao ar livre). Procurando evitar o risco inerente às ultrapassagens, a FPA reduziu para 3.000 metros a distância a percorrer. Gustavo Gomes (CA Marinha Grande) é o melhor dos atletas da ADAL que se encontram neste ranking, situando se na 5ª posição com 15m15s74cs. Figuram ainda nos 10 melhores portugueses do ano, David Gregório (JV) em 8º com 17:18.75 minutos e Francisco Silva, do Clube Desportivo do Bombarral, logo a seguir com 17m25s95cs.
Saltos (Comprimento, Triplo, Altura e Vara) 4 referências
Nos saltos horizontais (comprimento e triplo) Eduardo Oliveira (JV) é o 3º melhor no comprimento, com 6,74 metros e 6º no tripo, com 13,58 metros. Na altura há dois atletas da ADAL referenciados com 1,85 metro, ocupando o 7º posto nacional, Tiago Gama (AA AcroPombal) e Yoelvis Companioni (JV). Na vara Guilherme Pereira (JV) superou a fasquia a 4 metros, que lhe permite ser o 2º melhor nacional.
Lançamentos (Peso, Disco, Martelo e Dardo) 7 referências
O lançador do Clube Atletismo de Marinha Grande, David Pereira, é o detentor da melhor marca nacional do ano, no peso (5 kg), com um arremesso de 15,57 metros. Na 8ª posição está Guilherme Pereira (JV) com 12,83 metros. No disco (1,5 kg) David é “apenas” o 5º melhor, com 37,19 metros e Francisco Calhau (JV) é 7º com 36,86 metros. Francisco é ainda 3º no martelo (5 kg) ao lançar a 48,40 metros. No dardo (700 gr) encontramos dois atletas da ADAL no top 10. O 8º melhor é Rafael Costa (JV) com 43,18m e o 10º é Eduardo Fernandes (AA AcroPombal) com 43,03 metros.
Provas combinadas (pentatlo) 1 referência
Em condições normais o campeonato nacional de sub-18 integra um Octatlo no seu programa (10m + Comprimento + Peso + 300 metros, no 1º dia de provas e 110m barreiras + Altura – Dardo e 1.000m na 2ª jornada). Considerando o estado atual de retoma esta prova foi adaptada para um pentatlo (100 m + Comprimento + Peso – Altura + 1.000 metros). Considerámos os resultados do Heptatlo disputado no programa do campeonato nacional de pista coberta (60 m + Comprimento + Peso + Altura e 60m barreiras + Vara + 1.000m. Francisco Silva (JV) é o detentor da 3ª melhor pontuação nacional, alcançada em representação da nossa seleção.

Carlos Carmino


Você pode deixar um comentário, ou um link a partir do seu site.

Escreva um comentário

Tem de efectuar log in para comentar o artigo.

Criado por pombaldir.com Nenhuma parte deste site pode ser reproduzido sem a autorização do jornal "O Derbie" Sugestões e Criticas a este site: [email protected] ou 968 628 512 e 236 217 163