João Vasco está a confirmar o seu valor no BC.Branco

João Vasco saltou, na época passada, do Campeonato de Portugal para a I Liga quando, no defeso, foi contratado pelo Tondela ao Mortágua. Todavia, o avançado só somou 16 minutos com a camisola dos beirões, jogados na Taça da Liga e, em janeiro, foi emprestado ao Gil Vicente, do segundo escalão. Esta temporada trouxe mais um empréstimo para o jogador de 23 anos que foi cedido ao Benfica e Castelo Branco, da Série C do Campeonato de Portugal. No espaço de um ano, João Vasco passou pela I e II Ligas e voltou ao patamar inicial ou seja, o CdP.

“Encaro estes desafios como encarei o Gil Vicente e como agora encaro o Benfica e Castelo Branco: sempre como uma oportunidade que me dão para melhorar e mostrar o meu valor. Não vejo como um passo atrás, mas sim como uma oportunidade”, contou o dianteiro a O JOGO.

E, de facto, João Vasco está a aproveitar ao máximo a cedência para mostrar qualidades. São dez os golos que já apontou em 13 jogos efetuados na Série C do CdP contribuindo, assim, para o terceiro lugar que os albicastrenses ocupam atualmente. Foi no Mortágua, antes de se mudar para Tondela, que João Vasco fez a melhor época da carreira, com 12 tiros certeiros marca que, a este ritmo, vai ser ultrapassada por larga margem. “Está a ser um início de época muito positivo para mim e não o conseguiria sem o apoio da família e do meu agente, Nuno Correia”, frisou, explicando como é que têm surgido tantos golos. “Sou um ponta de lança muito móvel, trabalhador e que dá tudo pela equipa. Também marco de cabeça, mas não sou um avançado fixo. Procuro sempre ajudar o coletivo”, referiu.

O Benfica e Castelo Branco é um dos crónicos candidatos à subida no CdP e João Vasco acredita que o plantel está preparado para, pelo menos, terminar a primeira fase da prova nos dois primeiros lugares para ir disputar o play-off de subida. “Esta equipa, apesar de ser jovem, tem muita qualidade e capacidade para chegar a outros patamares. Temos tudo para chegar à fase de subida que é o que todas as equipas querem”, justificou. João Vasco sublinhou, ainda, que Castelo Branco merece outros voos. “A subida seria um presente enorme que nós poderíamos dar a estas pessoas humildes que gerem o clube. São pessoas que trabalham muito bem e que fazem do Benfica e Castelo Branco um clube cumpridor e sério”, elogiou.

Questionado sobre se o Tondela tem estado atento às suas exibições, João Vasco chutou a pergunta para o outro lado mas já sabe que resposta gostaria de ouvir. “Isso é uma pergunta que o Tondela tem que responder. Mas penso que estão a acompanhar o meu trabalho”, atirou.

João Maia (jornal O JOGO)

Você pode deixar um comentário, ou um link a partir do seu site.

Escreva um comentário

Tem de efectuar log in para comentar o artigo.

Criado por pombaldir.com Nenhuma parte deste site pode ser reproduzido sem a autorização do jornal "O Derbie" Sugestões e Criticas a este site: [email protected] ou 968 628 512 e 236 217 163