Mação empata mas continua firme na liderança

À sétima jornada, eis que o Mação perdeu os primeiros pontos. E esteve mesmo em vias de perder o primeiro jogo mas um golo já na recta final de um duelo de loucos valeu a continuidade da invencibilidade. Está provado que não há jogos fáceis. Os Empregados do Comércio, uma equipa que se bate com problemas para conseguir treinar, mostrou capacidade para se impor a um adversário que tem sido o melhor neste arranque.

Apesar do empate, os maçaenses mantiveram os quatro pontos de vantagem sobre o segundo lugar, isto porque os perseguidores Torres Novas e Samora Correia não aproveitaram o factor casa. Os “amarelos”, convém dizer, empataram diante do candidato-mor, o União de Almeirim, resultado que demonstra estarmos perante uma equipa de qualidade inegável e que pode muito bem lutar, afinal, pelos lugares de cima, apesar de outras formações terem investido bem mais no defeso. Já os samorenses, foram batidos por um Cartaxo que tem sido mesmo capaz do melhor e do pior, neste caso com melhor rendimento fora de portas, onde já tinha ganho também em Tomar.

Uma das surpresas da jornada foi da autoria do Moçarriense. A equipa de Nuno Guerra estreou-se a pontuar fora de portas, em particular no campo de um Fazendense que continua a poder gabar-se de ainda estar imbatível.

Resultado digno de registo foi o alcançado pelo União de Tomar, que não teve dificuldades para bater um Amiense que já está na quarta derrota seguida. Os nabantinos voltam a acreditar em chegar mais acima mas convém, o quanto antes, chegar a uma qualidade exibicional fora de casa como a que tem sido demonstrada dentro de portas.

Em grande fase está o Ferreira do Zêzere. A equipa do tomarense Eduardo Fortes somou a terceira vitória seguida, neste caso diante de um Ouriense que tem sido capaz de se bater com as melhores equipas da prova. Os ferreirenses, que estão neste campeonato para a manutenção, mostram, agora, capacidade para mais..

Finalmente, em jogo de aflitos, a União Abrantina deixou-se de vitórias morais e arrecadou mesmo os primeiros pontos da época, precisamente em Riachos, um triunfo que justifica as palavras do técnico Paulo Fernando e da esmagadora maioria dos técnicos que tem defrontado os unionistas: esta equipa vale bem mais do que o último lugar que ocupava. Já o Riachense está a sentir na pele o peso de mudar um plantel quase todo de um ano para o outro. À competência do seu treinador nada se pode apontar.

RÁDIO HERTZ

Resultados (7ª jornada):
U. Tomar-Amiense, 3-0
Empregados do Comércio-Mação, 2-2
Torres Novas-U. Almeirim, 1-1
Samora Correia-Cartaxo, 1-3
Riachense-U. Abrantina, 1-2
Fazendense-Moçarriense, 0-0
Ferreira do Zêzere-Ouriense, 2-0.

Classificação:
1° Mação, 19 pontos
2° Torres Novas
16, 3° Samora Correia, 14
4° Fazendense, 13
5° U. Almeirim, 12
6° U. Tomar, 11
7°s Ferreira do Zêzere, Cartaxo e Ouriense, 10
10° Amiense, 9
11° Empregados do Comércio, 5
12°s Moçarriense e União Abrantina, 3
14° Riachense, 1.

Você pode deixar um comentário, ou um link a partir do seu site.

Escreva um comentário

Tem de efectuar log in para comentar o artigo.

Criado por pombaldir.com Nenhuma parte deste site pode ser reproduzido sem a autorização do jornal "O Derbie" Sugestões e Criticas a este site: [email protected] ou 968 628 512 e 236 217 163